Compre pelo telefone 0800 606-00258:00 às 18:00hrs
 

FRETE GRÁTIS 6x S/ JUROS

Blog Grudado

Author Archives: Eloise

  • Hortinhas em casas com pouco espaço!

    mini-horta

    Quem disse que é preciso muito espaço para ter uma horta em casa? Ao contrário do que muitos pensam, o espaço pequeno é mais fácil e prático para cultivar os alimentos!

    As hortaliças se adaptam muito bem em pequenos espaços e não dão muito trabalho na hora de cuidar. Basta dar as plantinhas os devidos cuidados e cultivá-las em pequenos vasos ou canteiros!

    Para horta em espaço pequeno, como varandas e sacadas, os alimentos que se adaptam muito bem são: Agrião, alface, almeirão, beterraba, capim-limão, cebolinha, cenoura, coentro, endro, estragão, hortelã, manjericão, manjerona, orégano, rabanete, rúcula, salsinha e tomilho.

    Pendure pequenos vasos, floreiras e garrafas de plástico com temperinhos e já decore um cantinho de sua cozinha, área de serviço ou sacada.

    Recipientes pendurados na janela são ótimos para as plantas receberem o sol diariamente.

    Floreiras com temperos, suspensas numa parede, não ocupam espaço e ainda complementam a decoração.

    hortinha

    Não jogue fora as garrafas pet. Você pode usá-las para fazer uma hortinha bem diferente. Use de sua criatividade. Pouco espaço não é problema quando se tem ideias criativas!

    Depois de montada, não se esqueça de cuidar bem da sua horta. Regue-a diariamente para que os vegetais cultivados continuem crescendo bonitos e fortes. Adube sempre com quantidades de adubo mineral e caso as mudas começarem a perder a vitalidade, recomece a plantação

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

  • Detalhes românticos na decoração!

    detalhes romanticos

    O dia dos namorados está chegando! Para esta data especial, nada melhor do que ficar atenta aos detalhes e caprichar em uma decoração romântica e cheia de charme.

    Para as perfeccionistas de plantão nada passa batido: a iluminação, os aromas,  as velas, tecidos macios, taças especiais... Tudo isso se torna essencial para uma decoração mais bonita e harmoniosa de deixar qualquer um apaixonado!

    Preste atenção nas dicas e capriche para surpreender quem você gosta!

    A luz é usada na decoração para vários fins diferentes, como determinar o clima de um espaço – mais intimista, descontraído, etc –, ou também servir como uma aliada na hora de destacar detalhes bonitos que merecem um olhar diferenciado.

    As velas ajudam a deixar o clima mais favorável para o romance! O bacana é espalhá-las pela casa e não apenas na mesa. Que tal um caminho pelo corredor, que vai até o quarto? Também é legal colocá-las na sala - seja em acima da mesa ou numa varanda.

    Não se esqueça das flores! faça arranjos pequenos, que permitam a troca de olhares. Segundo o feng-shui, o ideal é utilizar os objetos sempre em pares. Ao invés de colocar no centro da mesa, que tal escolher um canto da mesa e deixar o prato como principal? Que tal escolher uma cor padrão e usar na decoração? Se sua escolha for rosas vermelhas, aposte numa tolha vinho e taças que combinem. Outra ideia é colocar uma rosa no prato.

    iluminação romantica

    Já para a aromatização uma opção são os incensos ou velas com cheiro. Muitas lojas vendem aromatizadores de ambiente, outra saída para a memória olfativa do dia - ou da noite - ser inesquecível.

    Lembre-se que cada detalhe que compõe a ambientação, independente do tema, é essencial para que tudo fique perfeito e o resultado seja uma produção elegante, de bom gosto e na medida certa, personalizada para que fique com o perfil do casal.

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

  • Flores na decoração!

    flores na decoração

    Responsáveis por embelezar e até mesmo purificar a casa, as flores são elementos essenciais na decoração. Elas colorem a casa, são vistosas e influenciam no nosso bem-estar.

    Decorar a casa com flores naturais ajuda a construir um ambiente mais harmônico, cheio de vida, alegria e tranqüilidade.

    Siga as dicas abaixo para tirar o melhor proveito das flores em seu ambiente!

    Para começar a decoração, observe bem as cores que predominam no ambiente que você pretende colocar o arranjo floral. O ideal é utilizar apenas dois ou três tipos de flores, em tom sobre tom para não deixar o ambiente muito carregado. As cores devem estar em harmonia com as cores da casa.

    Se você gosta de deixar a casa colorida, coloque vasos de flores com cores contrastantes em ambientes neutros e claros. Mas cuidado para não carregar demais no volume de flores e deixar o local pesado.

    Flores que tenham perfume muito forte como jasmim e lírio branco, devem ser evitadas nos quartos para não causar desconfortos (como enjôos) ou algum tipo de alergia respiratória. Elas também são vetadas na cozinha, pois podem interferir no aroma da comida. Prefira esses tipos de flores em ambientes mais abertos e ventilados. Assim, o perfume se espalhará pela casa.

    O cuidado primordial para manter a durabilidade das flores é manter água e vaso limpos. O recomendado é lavar bem o vaso a cada 2 ou 3 dias.

    caixa de flores

    Se você não tem muito tempo para cuidar das flores, opte pelos tipos tropicais, por causa da maior durabilidade. Orquídeas, Copo de Leite e Bromélia são alguns exemplos.

    As pétalas brancas, de flores como o lírio e o narciso, transmitem frescor e paz. As pétalas vermelhas das rosas e tulipas são sinônimo de alegria e paixão. As flores amarelas (girassóis, rosas, flores do campo) trazem energia, remetendo à alegria e alto-astral!

    E por último, quando for comprar flores, prefira as que ainda estão fechadas. Se só tiver flores abertas, escolha a de menor caule. Manchas em folhas ou pétalas é sinal de deterioração, por isso, evite. Seguindo essas orientações, você conseguirá adquirir flores frescas!

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

  • Decoração Toscana!

    estilo toscano

    A Toscana é uma região linda, que ganhou destaque por seu estilo campesino, alegre e tranqüilo das casas e paisagens! Saiba um pouco mais sobre esse estilo e inspire-se para decorar sua casa!

    Primeiro vamos falar das cores: tons de âmbar, terracota, vermelhos que lembram a tonalidade do óxido de ferro, damasco, laranja queimado... São tons que aquecem qualquer ambiente! Nada de cores vivas, sólidas e chapadas. Os tons são bem naturais, manchados e envelhecidos.

    A textura se completa com elementos de pedra, madeira rústica, cerâmica, terra batida, cimento queimado...

    Tudo isso tem cara de Toscana, mais as técnicas de pintura como o estucco, faux, estêncil e outras que aparentem a ação do tempo. Unificar os acabamentos de parede e teto é uma característica forte deste estilo.

    Os objetos de decoração são muito importantes neste estilo. Não um grande número, mas poucas e boas peças, bem marcantes, como: espelhos com molduras artísticas, tapeçarias dispostas em varões de metal envelhecido, cerâmicas e louças decoradas.

    Laca, fórmica, vidro e outros acabamentos modernos definitivamente não entram no estilo toscano. A madeira é natural, com verniz discreto, que não esconda seus veios ou a sua tonalidade natural. A madeira de demolição não faz feio se usada neste estilo, mas o acabamento de ordem é o natural preservado.

    decoração toscana

    Em nenhuma casa da Toscana você deixará de ver plantas e vasos de flores frescas. Este estilo tira partido dos elementos naturais, criando uma perfeita integração entre e o homem e o meio ambiente à sua volta.

    Seguindo este clima fresquinho e gostoso da Toscana você consegue uma decoração sensacional e autêntica para sua casa, aproveite!

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

  • Como se relacionam as cores?!

    roda-cores

    Combinar cores não é uma tarefa fácil. É preciso considerar o gosto pessoal, o tipo de ambiente que se deseja criar e por fim, descobrir os significados de cada cor antes de decidir a paleta final. Descubra abaixo como escolher os tons certos para as paredes, móveis e acessórios da sua casa!

    Primeiro consulte a famosa roda de cores! Nela você encontra as cores primárias: vermelho, azul e amarelo; as secundárias que se obtêm pela mistura entre as primárias, como o laranja, o verde e o violeta e as terciárias, que é a mistura das primárias e secundárias, gerando uma infinidade de outras cores como o verde-lima, o vermelho alaranjado e por aí vai!

    As tonalidades da roda de cores se relacionam de duas formas:
    Complementares: são as cores que, na roda, encontram-se de lados opostos – caso do verde e do vermelho, do azul e do laranja. No entanto, esta distância não significa que não possam ser combinadas, pelo contrário, o seu efeito aparentemente contrastante produz um realce visual muito agradável quando utilizadas em conjunto, conferindo energia e movimento a uma divisão.

    Harmoniosas: são as cores que encontramos encaixadas entre as cores primárias, como por exemplo, o violeta e o violeta-azul que, embora diferentes, mostram claramente que pertencem à mesma família de cores. Embora apresentem uma certa harmonia, também precisam de ser combinadas de forma cuidadosa.

    Também podemos identificar na roda as cores consideradas mais quentes (como o vermelho, o laranja e o amarelo) e as cores frias (como o violeta, o azul e o verde), o que facilita encontrar um equilíbrio. Por exemplo, se a sua paleta de cores estiver centrada no azul, pode aqueça-la um pouco com a sua cor complementar – o laranja; porém, a utilização de duas cores complementares da mesma intensidade pode produzir um efeito visual muito ruidoso, onde ambas as cores estão a reclamar pela mesma atenção. Para solucionar esta questão, basta reduzir ou aumentar a intensidade de uma das cores complementares – neste caso seria o laranja e escolheríamos um tom mais suave como um laranja queimado ou claro, que são ambas cores harmoniosas.

    cores combinadas

    Por fim, existem também as cores neutras compostas por branco, preto, castanho, creme/bege, cinzento e todas as suas diferentes tonalidades que, precisamente devido à sua neutralidade, são extremamente versáteis. Combinam com praticamente todas as outras cores da roda e são um excelente ponto de partida para quem vai começar a decorar e não quer arriscar muito. Com as cores neutras, é fácil aquecer a divisão com tons mais quentes ou refrescá-la com tons mais frios.

    Não se esqueça que a combinação de cores é influenciada pela intensidade das próprias cores, a quantidade de cores usadas, a dimensão do espaço, a iluminação, os acessórios e a mobília do local. Dadas as dicas você já pode brincar e experimentar as cores que mais combinam com seu ambiente! Boa sorte!

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

  • Dicas de decoração para quem divide a casa com bichinhos de estimação!

    cantinho do pet

    Para você adora seu bichinho de estimação, mas não sabe como oferecer conforto sem bagunçar a casa, siga as dicas abaixo para deixar seu pet sempre feliz e a casa sempre bonita!

    Primeiro, garanta um cantinho especial na casa para seu bichinho deitar e descansar. Quer fazer uma caminha original pro seu bichinho? Você pode usar um grande cesto de palha ou caixas de feira com um colchão ou cobertor bem macio para rechear.

    Evite adquirir tecidos conhecidos por atrair pêlos ou que tornem a remoção deles ainda mais complicada, como é o caso da seda, veludo ou tecidos muito delicados. Como alternativa, opte por tecidos de fibras sintéticas e com maior resistência a nódoas, odores e sujeiras, em geral.

    Fuja dos pisos escorregadios para não prejudicar os bichos.Quando os cães são confinados em ambientes com chão liso, a tendência é que eles desenvolvam problemas de articulação. O acabamento com verniz é um dos principais agravantes, então procure tomar muito cuidado com a textura do piso usado.

    caminha do pet

    O animal de estimação precisa identificar o seu lugar dentro da residência, não dá para apenas prendê-lo na varanda ou em qualquer canto. Preservar a área do pet limpa é outro fator que merece atenção e influencia numa boa convivência.

    Por fim, não deixe de lado a educação de seu pet. Ensiná-lo a lidar com as limitações é fundamental para o animal não sair fazendo necessidades pelos cômodos ou destruindo objetos.

    Aproveite as dicas de espaços decorados para cães e gatos e inove o visual da casa na proporção certa.

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

  • 10 Soluções para multiplicar seu espaço!

    escada-estante

    Ter uma casa ou apartamento grande não é sinônimo de morar bem. Com alguns truques básicos você pode maximizar os espaços e aproveitá-los da melhor forma possível. Confira as dicas abaixo:

    1 Aposte em móveis suspensos como uma bela estante de parede. Ela armazena objetos mas não pesa visualmente e nem atrapalha a área de circulação.

    2 Decore elementos que possam passar despercebidos! Os degraus da escada podem virar, com muita criatividade, uma linda paleta de cores em escala. Ou então aquele cantinho da sala, com a ajuda de alguns acessórios pode virar um espaço para leitura ou um mini bar.

    3 Nem só as cores claras são permitidas em ambientes pequenos. Dá, sim, para usar tons mais escuros. O importante é manter a unidade entre paredes, pisos e móveis.

    4 Mantenha os móveis e objetos bem alinhados. A simetria ajuda a evitar a impressão de ambiente bagunçado.

    5 Deixar a TV fixada à parede ajuda a melhorar a circulação, fica bonito é mais prático pra curtir um bom filme.

    espelhos

    6 Peças versáteis podem ter mais de uma função. Além de decorar, servem como assentos extras para acomodar visitas. Banquetas, garden seats e futons são exemplos disso.

    7 Use uma cortina da altura do pé direito e largura da janela para aumentar o espaço. Fica lindo no quarto do casal!

    8 E que tal forrar uma parede inteira com espelhos para dar sensação de amplitude?

    9 Não tem varanda? Aproveite as jardineiras para criar uma pequena área verde do lado de fora!

    10 Ganhe na metragem com integração. Quanto menos paredes, melhor. Experimente usar painéis de materiais interessantes como o bambu. Dê preferência para detalhes vazados que aumentam o ambiente!Prontinho, agora é só  curtir sua casa até o último pedacinho!

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

  • Dividindo o quarto para crianças de idades diferentes!

    tres ambientes em um quarto

    Na hora de decorar o quarto de seus dois filhos de diferentes idades retome algumas prioridades: O que é mais importante: segurança, conforto, estímulo para estudar, espaço para brincar?

    Tudo depende da fase em que a criança está passando: Se for muito bebê, é importante caprichar na segurança e também em um ambiente de constante estímulo e educação.

    Os quartos para os recém nascidos devem ser planejados visando a possíveis reformas a partir dos 4 anos de idade. Com essa idade já é possível trocar o berço por uma cama, adequar móveis, e pensar em espaços para atividades escolares.

    Já se a idade for um pouco mais avançada para uma das crianças, que tal dividir o espaço e separar os bichinhos, os personagens de historinhas infantis de um lado e do outro optar por temas geométricos: bolinhas, quadrados e outros formatos em cores diferentes, espalhados pela parede podem dar um belo efeito. A aplicação de adesivos em alternativa ao papel de parede está cada vez mais em uso, isso possibilita ir aplicando mais e mais ilustrações ao longo do tempo e saindo da rotina.

    dividindo o quarto com irmao menor

    Se você tiver um filho menor e outro adolescente, a dica é optar pela decoração mais predominante a do adolescente. O filho menor se sentirá “maiorzinho” e se adequará mais facilmente a um estilo mais contemporâneo, com fotografias, colchas e edredons com estampas de rock, acrílicos e outras possibilidades. Funciona melhor ainda se for com uma dupla de irmãs.

    Nessa hora o que conta é sua criatividade, principalmente na hora de deixar o ambiente com os gostos e preferências de seus pequenos. Por isso não se esqueça de consultá-los e garantir um cantinho de conforto e imaginação!

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

  • Quarto e escritório dividindo o mesmo ambiente!

    escritório atrás das cortinas

    Se o problema é falta de espaço, que tal um quarto integrado à escritório? A idéia de integrar espaços de maneira inteligente criativa já faz parte das tendências de decoração, além de ser charmoso e prático.

    O ideal é saber separar o ambiente mais aconchegante e tranqüilo do quarto do ambiente mais sério ( porém não pesado) do escritório. Uma boa dica é começar pelas cores!

    Use cores não pesadas, afinal é seu local de trabalho, mas que sejam convidativas e você se sinta tranqüilo e inspirado quando estiver trabalhando. Mantenha o branco ou cores claras para dar sensação de ambiente grande, tanto nas paredes como nos móveis e decoração da cama.

    Você pode quebrar a claridade do ambiente com cores fortes também, o vermelho é uma ótima opção para combinar com um ambiente branco.

    Outra idéia bacana é esconder o escritório dentro de um armário ou cortina. Pode ser uma alternativa legal para quem quer relaxar depois de um dia de trabalho!

    espaço integrado

    Para o balcão do computador procure algo prático, não precisa ser grande nem convidativo demais, mas precisa ser confortável e que satisfaça a necessidade.

    Você pode usar algum móvel que possa ser expansível e para cadeira, uma poltrona para ficar mais a vontade!

    Viu como é fácil? Aproveite os truques e inspire-se com idéias inteligentes e realmente funcionais!

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

  • Renovando a decoração sem mexer no bolso!

    escada velha vira estante

    Em algum momento sempre surge aquela vontade de mudar toda a decoração da casa e nem sempre temos dinheiro suficiente para gastar com outros móveis e reformas mais elaboradas. Para estas situações deixamos aqui algumas dicas que farão você economizar e deixar a casa de cara nova!

    Experimente mudar as cadeiras! Uma ótima dica para modernizar a sua cozinha ou sala é trocar as cadeiras, ao invés de trocar a mesa inteira. Você economiza uma boa grana e ainda cria um estilo próprio.

    E que tal um espelho ousado?Para quem quer mudar o visual do banheiro, mas não pode gastar muito com uma reforma; é possível trocar alguns detalhes, como o espelho, que já deixarão seu banheiro com mais estilo.

    A iluminação de uma casa faz toda a diferença, por isso, se você quer mudar um pouco o ambiente, procure alterar a tonalidade da luz para ver a diferença que faz.

    Ainda falando de iluminação, uma boa dica também são as luminárias, que além de ajudarem a mudar o tom da luz, ajudam a decorar o ambiente.

    novos acessórios

    Acessórios como tapete e almofadas são complementos ótimos para deixar a sua sala mais bonita e aconchegante.

    Trocar a cor das paredes ainda é uma boa opção para mudar o ambiente do seu lar. As paredes com cores vivas, além de trazerem vida ao ambiente dão um ar de sofisticação.

    E por fim que tal um estilo minimalista? Como diz o ditado “menos é mais”, por isso, se você acha que o que realmente a sua casa precisa é de “uma limpa”, não tenha medo. É possível, criar um ambiente limpo, contendo apenas o necessário, funcional e ainda por cima moderno. Aproveite!

    Compartilhe no Facebook | Compartilhe no Twitter

Itens 1 para 10 de 83 total

Página:
  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. 4
  5. 5
  6. ...
  7. 9